Browsing "Parceria"
18 de fevereiro de 2014, 09:09 - Cristine
Parceria, Resenhas    sem comentários

Grande irmão

Grande irmão
Lionel Shriver

Pandora é uma empreendedora de sucesso que vive em Iowa com o marido, Fletcher, um homem com temperamento irritadiço, que nunca consegue relaxar. Edison, irmão de Pandora, antes um conhecido pianista de jazz de Nova York, está completamente falido, sem ter onde morar. Contrariando o marido, Pandora envia uma passagem aérea para o irmão e convida-o a ficar em sua casa. Depois de quatro anos sem se encontrarem, ela quase não o reconhece quando vai buscá-lo no aeroporto e depara com um homem mais de cem quilos acima do peso. Em casa, os hábitos desleixados de Edison criam um enorme desconforto para Fletcher, até que Pandora decide se comprometer com o emagrecimento do irmão e abre mão de tudo para ajudá-lo.
(fonte: quarta capa do livro)

continua…

Send to Kindle
14 de janeiro de 2014, 08:25 - Douglas
Parceria, Resenhas    4 comentários

O Jantar, de Herman Koch

Lembro de um dia, quando criança, que estava acompanhando a conversa de um grupo de adultos. Falavam sobre política. Era um assunto constante naquele tempo entre meus familiares. Então, um senhor, que não faço ideia de quem seja, provavelmente comovido pelo meu tédio, me perguntou o que eu achava do então candidato à presidência Leonel Brizola. Por ser gaúcho, Brizola era um ídolo indelével no Rio Grande do Sul (onde se passa este causo). continua…

Send to Kindle
6 de dezembro de 2013, 08:38 - Cristine
Parceria, Resenhas    4 comentários

Destrua este diário

Destrua este diário (Wreck this journal)
Keri Smith

Não é para ler… é para destruir!

Keri Smith, ilustradora e artista canadense, promete entreter o leitor de uma forma bem diferente e inusitada, sugerindo tarefas lúdicas que estimulam a criatividade e fogem do cotidiano convencional. As instruções do livro são simples e bem-humoradas, incluindo coisas como escrever uma palavra várias vezes, despejar café no livro ou calçá-lo como um tênis.
(fonte: www.intrinseca.com.br/site)

Solicitar o livro à editora me deixou, ao mesmo tempo, ansiosa e receosa. Ansiosa para descobrir exatamente do que se tratava, quais atividades esdrúxulas eram propostas – sabia apenas de algumas, cujo resultado vi em fotos no Instagram e vídeos no YouTube. E receosa por não ter certeza se eu, a típica leitora super-hiper-mega-cuidadosa com seus livros, seria capaz de efetivamente destruir o exemplar conforme proposto pela autora. continua…

Send to Kindle
14 de novembro de 2013, 08:30 - Douglas
Parceria, Resenhas    sem comentários

Minha Breve História: Stephen Hawking

Somos sádicos! Nada de pequenos tropeços, nada de pequenas mágoas! Queremos sangue! Vísceras! Queremos destruição psicológica! Fundos de poços! Dor, dor e mais dor! E pagamos por isso, portanto não basta nosso herói ter de levar o anel para Mordor, ele precisa chegar ao seu limite e morrer por isso. Não basta enfrentar o dragão, ele tem de enfrentar zilhões de zumbis e ter perdido sua família e filhos para eles.

Dramático, não? Mas é isso que dá IBOPE. Isso que nos transporta da nossa enfadonha rotina para o onírico mundo mágico da literatura (ou do cinema, para quem prefere…). Ver nossos protagonistas sofrerem para dar a volta por cima e vencer seus obstáculos nos enche de inspiração e nos faz sentir que somos também heróis. continua…

Send to Kindle
17 de outubro de 2013, 11:40 - Cristine
Parceria, Resenhas    1 comentário

Perdão, Leonard Peacock

Perdão, Leonard Peacock
Matthew Quick

“Hoje é o aniversário de Leonard Peacock. Também é o dia em que ele saiu de casa com uma arma na mochila. Porque é hoje que ele vai matar o ex-melhor amigo e depois se suicidar com a P-38 que foi do avô, a pistola do Reich. Talvez no futuro ele conseguisse acreditar que ser diferente é bom, até importante. Mas não hoje.”
(fonte: primeira orelha do livro)

A sinopse chamou a atenção e, talvez erroneamente, achei que iria mergulhar na psique de um psicopata adolescente prestes a surtar. E quando digo mergulhar, entenda-se ser apresentada ao raciocínio tortuoso de um indivíduo que acredita não haver mal algum em usar a violência para resolver seus problemas. Mas não foi o que aconteceu. Sério, eu queria ter gostado mais deste livro. continua…

Send to Kindle