11 de agosto de 2017, 18:56 - Cristine
Resenhas    sem comentários

Jogador nº 1, de Ernest Cline

Jogador nº1
Ernest Cline

A história se passa daqui a uns 20 anos. Em um futuro não tão limpo, aprazível e bem organizado como alguns autores de ficção científica do século passado imaginaram. O mundo está mais para a realidade distópica pós-apocalíptica bem ao estilo Mad Max, tomado por guerras, desemprego e fome. A válvula de espape dessa realidade miserável é o OASIS – uma plataforma de realidade virtual global que permite ao usuário ser o que quiser, ou seja, um Second Life que deu certo. As pessoas estudam, trabalham, jogam, viajam, se relacionam dentro do OASIS. continua…

5 de agosto de 2017, 18:35 - Cristine
Resenhas    sem comentários

Sósia, de Renan Cardozo

Sósia
Renan Cardozo

Sósia é um suspense psicológico, inspirado pelos clássicos lovecraftianos, como O Caso de Charles Dexter Ward, que pretende questionar os laços com nossa própria identidade.

A história começa com um conjunto de relatos, do médico Johnas Spirandelle, enquanto ele e seu amigo, o oficial Ten.Carvalho, tentam descobrir que bizarra relação ocorre entre, uma série de assassinatos e a histeria religiosa causada por uma misteriosa ressurreição.

O romance discute o tema da “Sombra”, desenvolvido pelo psicólogo Carl Jung, sobre a natureza selvagem do ser humano. A arte da capa, criada pelo artista Walter Pax (autor das ilustrações da edição brasileira de O Chamado de Cthulhu) descrevem esse conflito.
(fonte: https://www.catarse.me/sosia)

continua…

18 de julho de 2017, 19:11 - Cristine
Parceria, Resenhas    sem comentários

Ninguém nasce herói

Ninguém nasce herói
Eric Novello

“Num futuro em que o Brasil é liderado por um fundamentalista religioso, o Escolhido, o simples ato de distribuir livros na rua é visto como rebeldia. Esse foi o jeito que Chuvisco encontrou para resistir e tentar mudar a sua realidade, um pouquinho que seja: ele e os amigos entregam exemplares proibidos pelo governo a quem passa pela praça Roosevelt, no centro de São Paulo, sempre atentos para o caso de algum policial aparecer. Outro perigo que precisam enfrentar enquanto tentam viver sua juventude são as milícias urbanas, como a Guarda Branca: seus integrantes perseguem diversas minorias, incentivados pelo governo. É esse grupo que Chuvisco encontra espancando um garoto nos arredores da rua Augusta. A situação obriga o jovem a agir como um verdadeiro super-herói para tentar ajudá-lo – e esse é só o começo. Aos poucos, Chuvisco percebe que terá de fazer mais do que apenas distribuir livros se quiser mudar seu futuro e o do país.”
(fonte: www.companhiadasletras.com.br)

continua…

Páginas:1234567...98»